Objetos Litúrgicos

Primeiramente,os objetos litúrgicos que servem ao culto divino são feitos em material nobre, portanto, ornados de tal maneira que invoquem a riqueza dos mistérios que eles servem.

“A Igreja preocupou-se com muita solicitude em que os objetos sagradas contribuíssem para a dignidade e beleza do culto, porém, aceitando no decorrer do tempo, na matéria, na forma e na ornamentação, as mudanças que o progresso técnico foi introduzindo” .

Vejamos agora alguns dos mais importantes objetos litúrgicos:

Âmbula – também chamada de cibório ou píxide.

É utilizada para a conservação e distribuição das hóstias consagradas aos fiéis.

Cálice – recipiente onde se consagra o vinho durante a missa.

Patena – pequeno prato, geralmente de metal, utilizado na consagração do pão. Também é usada na distribuição da comunhão, para prevenir a possibilidade de queda das partículas consagradas ou partes delas.

Hóstia – pão não fermentado (ázimo) circular. Ao pão maior chamamos hóstia, consagrada e consumida pelo sacerdote durante a missa. Aos menores, consagrados e distribuídos aos fiéis, chamamos partículas.

OSTENSÓRIO – Objeto que serve para expor a hóstia consagrada, para adoração dos fiéis e para dar a bênção eucarística.

Luneta – Peça do Ostensório onde se coloca a hóstia consagrada, para a exposição do Santíssimo. É uma peça móvel e tem a forma de meia-lua.

Teca – pequeno estojo, geralmente de metal, onde se leva a Eucaristia para os doentes. Usa-se também, em tamanho maior, na celebração eucarística, para conter as partículas. 

Galhetas – dois recipientes para a colocação da água e do vinho, para a celebração da missa.

Caldeirinha e aspersório – a caldeirinha é o recipiente utilizado para colocar água benta para a aspersão.

O aspersório é um pequeno bastão metálico com o qual a água benta é aspergida.                                  

Bacia e Jarra – usadas no rito do “lavabo”, não só na missa, mas também na celebração de sacramentos, como o Batismo, a Crisma, a Unção dos Enfermos etc., em que há imposição do óleo.

Turíbulo – Vaso utilizado nas incensações durante a celebração. Nele se colocam as brasas e o incenso.

Naveta – Pequeno vaso onde se transporta o incenso nas celebrações litúrgicas.

Pala – cartão quadrado, revestido de pano, utilizado para cobrir a  patena e o cálice.

Corporal – tecido em forma quadrangular sobre o qual se coloca o cálice com o vinho e a patena com o pão.

Sanguíneo – Chamado também purificatório. É um tecido retangular, com o qual o sacerdote, depois da comunhão, seca o cálice e, se for preciso, a boca e os dedos.

Manustérgio – toalha com que o sacerdote enxuga as mãos no rito do lavabo. 

Círio Pascal – vela grande, que é benzida solenemente na Vigília Pascal do Sábado Santo e que permanece acesa nas celebrações até o Domingo de Pentecostes.

Cruz – nos remete ao sacrífico de Jesus Cristo. Pode ser a que guia a procissão de entrada, mas também uma cruz menor, que pode ficar sobre o altar, ou perto dele. Ambas, no entanto, devem trazer a imagem do Crucificado.

R$2.390,00

até 10x de R$239,00 sem juros

R$2.490,00

até 10x de R$249,00 sem juros

R$4.990,00

até 10x de R$499,00 sem juros

R$1.990,00

até 10x de R$199,00 sem juros

R$1.990,00

até 10x de R$199,00 sem juros

R$1.990,00

até 10x de R$199,00 sem juros

R$1.990,00

até 10x de R$199,00 sem juros

R$1.090,00

até 10x de R$109,00 sem juros

R$5.390,00

até 10x de R$539,00 sem juros

R$2.071,00

até 10x de R$207,10 sem juros

R$4.987,50

até 10x de R$498,75 sem juros

R$1.290,00

até 10x de R$129,00 sem juros

R$3.762,00

até 10x de R$376,20 sem juros

R$490,00

até 4x de R$122,50 sem juros

R$940,00

até 9x de R$104,44 sem juros

R$613,00

até 6x de R$102,17 sem juros

R$790,00

até 7x de R$112,86 sem juros

R$640,00

até 6x de R$106,67 sem juros